Celular e outros Dispositos e Teconologias que podem ajudar seu Marketing Educacional

5 Dicas Práticas para Fazer seu Marketing Educacional Funcionar!

O mercado tem evoluído a cada dia e não seria diferente com o marketing educacional. Aqui você vai aprender 5 dicas para sua instituição poder gerar, captar e reter mais.

Nos últimos anos o Brasil encontrou um ambiente propício para o crescimento das instituições de ensino. Também estamos vivendo um momento de migração de ambiente de aprendizagem, a projeção é de que até 2023 teremos mais alunos na educação a distância do que no presencial.

O perfil do aluno também evoluiu, eles se comunicam por meio das redes sociais, comunicadores digitais e com menos escrita e mais emojis. A concentração para conteúdos longos diminui.

Com essas abordagens a sua instituição está preparada para entregar um marketing educacional que comunica com este novo cenário? Ou está replicando o que já era é feito há anos e apenas migrando para a plataforma digital? Vale lembrar, o marketing nas plataformas off-line não acabou e é um reforço importantíssimo para as estratégias digitais.

E como saber se a sua estratégia está no caminho certo para captar e reter mais alunos? Veja cinco dicas que separamos para você:

1) Entenda e Segmente seu Público

Quem trabalha com marketing digital já está familiarizado com estes termos, mas para você que chegou agora a dica é simples: para quem estamos vendendo (sim, uma matrícula é uma venda) e sim, é possível que você terá mais de um público para se comunicar.

Para construir esse público utilizamos as personas, que é a representação fictícia do cliente ideal de um negócio. Elas são baseadas em dados reais sobre comportamentos e características demográficas dos clientes, assim como suas histórias pessoais, motivações, objetivos, desafios e preocupações. A Resultados Digitais (RD) tem um gerador de persona que vai te ajudar muito.

Sabendo quem é meu público consigo entregar conteúdos segmentados para cada tipo de pessoa, ser mais assertivo nos meus anúncios e, consequentemente, nos resultados de matrícula e retenção.

2) Invista em Mídia Paga e Redes Sociais para Gerar mais Alunos

Tão importante quanto produzir conteúdos de qualidade e para o público certo é disseminar este material. As principais empresas de mídia on-line, como Facebook, Instagram, Linkedin e Google tem um alcance orgânico (não pago) muito pequeno.

Além de aumentar o alcance do seu conteúdo, é uma das principais estratégias para captação de alunos em fundo de funil. E entenda, alocar verba para mídia paga não é gasto e sim investimento. Quando você tem uma estratégia bem feita e anúncios segmentados corretamente, você trará novos alunos para sua base.

Então, se você produzir um bom conteúdo e sua estratégia não contemplar investimento em mídia paga, terá sido um gasto em vão.

3) Omnichannel (Integraçã Off e On)

Ominichannel é uma estratégia de integrar todos os seus canais de aquisição. Para isso, é importante pensar em conjunto todas as ações on-line e off-line.

Essa estratégia serve para fortalecer sua marca e integrar as diversas plataformas, criando uma comunicação única e mais forte na cabeça do seu aluno.

Essa integração de canais permite que as tomadas de decisão sejam muito mais inteligentes e assertivas.

4) Conteúdo em Vídeo

Sua instituição de ensino precisa produzir conteúdo, principalmente em vídeo. Os vídeos podem e devem estar nos diversos pontos de contato com seu aluno: redes sociais, webnários, site e até nas Landing Pages.

Single Grain informou que as Landing Pages com vídeos têm o potencial de conversão aumentado em 800% vezes, e eles fazem com que 88% dos visitantes fiquem mais tempo no site.

Para as redes sociais o conteúdo em vídeo é muito relevante, pelo poder de viralização e pela popularidade dos Stories, sobretudo entre o público jovem. Assim, os vídeos são úteis para melhorar o engajamento e satisfação dos alunos atuais!

É importante lembrar que eles serão assistidos e compartilhados pelo celular, e portanto, devem ser otimizados também para uso mobile.

5) Promova Experiências

Sim! É possível construir uma experiência para seu usuário sendo uma instituição de ensino e trazer um valor agregado para sua marca.

Em tempos de isolamento, já pensou sua escola ter um tour virtual para que os alunos ou pais pudessem conhecer sua estrutura? Ou até mesmo para ser um ponto de contato nos seus anúncios digitais?

Você também pode ofertar aulas experimentais. Se você vende um produto modular, oferecer um desses módulos gratuitamente para o aluno é uma estratégia que tem uma boa conversão, se seu produto for de qualidade.

Outra proposta, se você é uma faculdade, por que não fazer um evento que leva as escolas para dentro da sua estrutura e faz com que os alunos desejem ainda mais a sua marca?

Não faltam estratégias para melhorar o seu marketing educacional e ter um aumento na captação de alunos da sua instituição.

Se ficou alguma dúvida ou acha que precisa de uma ajuda para melhorar sua captação e retenção, fale com a gente e vamos tomar um café e ver como podemos te ajudar!